Ache aqui o que você procura!

quinta-feira, 8 de março de 2012

#BC - Dia Internacional da Mulher


Share




Para comemorar o dia internacional da mulher foi proposta pela Silvia Azevedo do blog Uma Pitada de Cada Coisa uma Blogagem coletiva sobre o assunto. Mas este é um assunto que têm vários enfoques muitos outros assuntos para serem abordados dentro desse tema. Então resolvi fazer uma homenagem à mulher que mais me inspira nesta vida: minha mãe.

Qual dos dois é mais lindo?
Ela nasceu numa época (e num lugar) onde não era comum mulher estudar, tanto que só concluiu seus estudos (o que é hoje o ensino fundamental) quando já era adulta, casada e carregando pra escola uma filha de seis anos pela mão.

Mas isso não foi empecilho, aliás, nada foi. Ela saiu ainda bem nova da sua cidade e foi estudar enfermagem. Exerceu a profissão por quase 30 anos, até se aposentar.

Minha mãe sempre trabalhou fora. E também fez mil e uma coisas para ganhar mais um dinheirinho: vendeu bijuterias, cosméticos, tupperware, muamba paraguaia. Aprendeu a fazer todo tipo de artesanato, de pintura em tecido a escultura com bola de gude, de biscuit a bonecas de pano, de pintura em cerâmica a quadros a óleo. Desde que me conheço por gente, vejo-a fazendo coisas lindas pra vender e ainda fazendo cursos para aprender coisas novas. Não sossega nunca, apesar de estar prestes a completar 70 anos. Tem muito mais energia que eu. E disposição. E coragem.
E aqui, qual dos três? rsrs
 
Foram essas coisas que lhe permitiram criar os três filhos, sustentar a casa, nos dar conforto e segurança. Isso e a sua permanente disposição, seu espírito de luta, sua garra, sua honestidade.

Nunca me julguei à altura de ser filha dela. O modelo de conduta é tão alto padrão, que me parece inatingível. Acho que o medo ou respeito que sempre tive com relação à minha mãe se deve muito ao fato de que nunca serei tão boa quanto ela, por mais que me esforce.

Se ela tem falhas? Claro que sim. Ela errou muitas vezes e ainda erra. Mesmo sendo meu modelo, ela não é perfeita. Mas nenhum pecado que ela cometa nenhuma falha ou erro são capazes de diminuir a admiração que eu tenho por essa mulher. E o amor que tenho por ela só faz crescer.

Nada mais justo do que, no dia internacional da mulher, eu homenagear aquela que me deu à vida, me ensinou valores e que me inspira todos os dias a ser uma pessoa melhor. Minha mãe.

Minha véia. Te amo.





Por: Tuka Siqueira / @TukaSiqueira
Comentários
10 Comentários

10 comentários:

  1. Sua mãe faz parte da estirpe de "mulheres de verdade", da qual você também faz parte, sendo tão boa ou melhor. Parabéns às duas!!!

    ResponderExcluir
  2. Tuka, me desculpa, mas uma mulher que tem 5 filhotes, se vira nos 30, bloga, é esposa, viaja a POA seguido pra fazer tratamento, é incrivelmente bem-humorada, inteligente etc. é, sim, uma filha que não podemos dizer que o fruto caiu longe do pé...

    A mãezona merece essa filha admirável que tem. E ela sabe disso, embora nem sempre as mães digam pra gente!

    Te acho uma mulher muito do bem, que desde muito cedo apoiou o batalha dessa mãezona e que amadureceu cedo. Tu és mulher com todas as letras maiúsculas!

    Então, feliz dia da MULHER!

    Beijo,
    Ingrid

    ResponderExcluir
  3. Que história linda de vida..
    Parabéns para todas as mulheres, guerreiras, fortes e sonhadoras..
    beijão tuka!!

    http://aos25anos.blogspot.com/

    Feliz Dia!

    ResponderExcluir
  4. Que texto cheio de verdade! Parabéns por ter essa coragem de ser verdadeira! Te admiro de verdade!
    E nada mais justo do que homenagear uma mulher de fibra!

    Beijão.

    ResponderExcluir
  5. Tukinha, que linda homenagem, nossas mães são modelos sempre, e os erros delas são como os nossos, sempre na tentativa de acertar...
    Admiro muito vc e toda sua luta,por isso nunca se diminua!!!!
    Sua mãe estava a frente do seu tempo, ah!mas dizer isso é redundância né?isso é uma característica da mulher...
    Grande bj,querida!!!

    ResponderExcluir
  6. Linda homenagem! Mulher guerreira!
    bjos!!!

    #amigacomenta
    http://www.lookbebe.com.br
    @Look_bebe

    ResponderExcluir
  7. 70 anos??? não parece, tá muito bem!
    mulher de fibra, é pra se orgulhar mesmo, ou melhor, inspirar rs!
    beijo!

    ResponderExcluir
  8. Ai que linda homenagem!! Parece que vc contou a história da minha mãe, que por acaso, também é enfermeira e só estudou após colocar no mundo eu e minha irmã e se ver solteira com 2 crianças para sustentar. Ela trabalhava, vendia de tudo, bijus, roupas e hoje é funcionária pública de saúde. Penso como vc, não me vejo a altura dela..Essas mães nos orgulham MUITO!!
    Bjão e parabéns pela mãezona!

    ResponderExcluir
  9. Que lindo Tuka!! Adorei a disposição da sua mãe, parece meu pai, os dois são cheios de energia. Deus queira que eu chegue nessa idade assim também!!

    Mil beijos
    Tati

    ResponderExcluir
  10. Que lindo depoimento Tuka!
    É verdade, não importam os erros, mas todo o amor que nos foi e é dado, todo sacrifício oferecido por nós, filhos...
    Obrigada por ter participado da blogagem e desculpe a demora em comentar...
    Beijo!

    ResponderExcluir

Que bom que você veio!
Deixe aqui a sua impressão,
opinião ou recadinho.
Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...